Texas Selvagem - A. J. Teixeira. Com tecnologia do Blogger.

Pensamentos no SilvaTexas

14 de março de 2011

Escapadinha matinal!

Agora que já há, de novo, a necessária credencial; tenho feito umas escapadelas por estações, onde, à partida sei que irão existir circulações ferroviárias, para serem fotografadas. De fato, foi o que aonteceu, hoje de manhã, durante cerca de hora e meia na Estação Ferroviária de Ermesinde, onde se cruzam as linhas do Minho e do Douro. Nesta estação teve também início o ramal de Leixões (de passageiros), entretanto extinto a 01 do pretérito mês.
Um "quid-pró-quó" é que algumas composições de UME (unidade múltipla elétrica) ainda nos convidam a fazermos uma viagem pelas Estações que fizeram parte daquele ramal.
Bem, a produção não foi muita, pois as circulações andam incertas por via da greve que se irá manter até Abril; mas assisti à formação de um mercadorias que utilizou o tal ramal com destino a Leixões, e que eu julgava que só circulassem através do Porto/Contumil.
Após haver tido autorização da pessoa que fazia o papel de chefe da estação; mais difícil foi convencer o segurança que desconhecia por completo, estas autorizações e andou de telemóvel na mão a ligar não sei para onde nem para quem e, que mesmo com a anuência nunca mais me largou...talvez por ter cara de bombista ou terrorista!
Como estava de consciência tranquila, mas ainda assim, sentindo-me um pouco incomodado, lá fui utilizando as escadas rolantes para usar as diversas plataformas, sempre seguido, de muito perto, pelo exemplar funcionário "segurança", pois o perigo era eu próprio...


Teixeira da Silva, AJ

Vagão afeto à "Refer" (Redes Ferroviárias Nacionais), com grua
que serve para trabalhos na catenária!

Coitado dele, a saude não será muita. Vagão fechado que pertence
às "vias e obras" e serve para a guarda de material. Encontrava-se
aparcado em linha de topo. 

Dizem os senhores da CP para irmos conhecer as estações da Linha
de Leixões (São Gemil, São Mamede de Infesta e Leça do Balio)...
Agora só de viatura, pois ela encerrou em 01 do pretérito
mês ao tráfego de passageiros, que nunca chegou a Leixões(!)

A  locomotiva elétrica da marca "Siemens" com o número 4711 que
tracionava uma longa composição de vagões do tipo "US", "Uacs",
"Tdgs" e "madeireiros", na sua passagem pela linha 1.

A passagem dos vários vagões de diferentes categorias,
foi efetuada a uma velocidade bastante reduzida!

Ainda vagões da mesma composição de mercadorias. Só os
"madeireiros" levavam carga, pois os restantes iam vazios.


Finalmente, a composição terminou. Se bem contei foram vinte e três
os vagões.

Partida da linha 4 da "UME" (unidade multipla elétrica) proveniente
do Porto/São Bento e com destino a Braga.

É efetivamente a estação ferroviária de Ermesinde, cidade e
freguesia do concelho de Valongo e onde entroncam
as linhas do Minho e do Douro.
Atendendo à arquitetura da cobertura dos cais de embarque
popularmente ficou conhecida como "MacDonald's" dada
a semelhança com o símbolo daquela multinacional americana.  

Paragem na linha 1 da "UTD" (unidade tripla diesel) da série espanhola
"Camello" com o número 0111M, que provinha da estação ferroviária do Peso
da Régia e terminaria a sua marcha em Porto/São Bento.

Passagem pela linha 2 da composição tracionada pela locomotiva elétrica
da marca "Siemens" com o número 4705, composta por doze
vagões de inertes, que tinha como destino o Entreposto da
Secil, em Irivo.

A locomotiva elétrica da marca "Siemens" com o número 4715, que
rebocava oito vagões de inertes e manobrou na linha 6.

Partida da linha 4 de uma outra composição com destino a Braga e
que também provinha da estação de Porto/São Bento.
Estas "UME'S" são da série 3400 e pertencem aos comboios
suburbanos do Porto.
As circulações não estavam a respeitar os horários pré-definidos
por via de ser dia de greve. 

Vista geral dos vagões de inertes que chegaram para manobrar na
linha 6.

Foi necessário manobrar a locomotiva com o número 4715 que chegou
no princípio da composição, para que pudesse tomar a cauda...
para seguir para Leixões, pelo Ramal de Ermesinde.(!)

Pronto, a composição está prestes a partir. Vagão da cauda (luz
vermelha acesa). 

Como já estava a ficar farto de os meus passos andarem a ser
seguidos (qual terrorista...) resolvi terminar com a fotografia
ao edifício onde funcionam os armazens da 2ª. secção
de via e obras.
Em final de reportagem gostava de ter tido oportunidade de
"ler" os pensamentos do segurança em relação às fotos! 

1 comentários:

JS Trains 21 de março de 2011 às 15:58  

Teixeira a " Camello " ficou bonita ....

Formulário de Contacto:
Preencha os campos abaixo para entrar em contacto comigo.
Não se esqueça do seu e-mail para eu responder, se for necessário.
Os campos marcados com * são obrigatórios.



Nome*:

máximo de 50 caracteres
E-mail para contacto*:

máximo de 200 caracteres
Assunto (motivo do contacto):

máximo de 100 caracteres
Mensagem*:

O seu contacto é muito importante.
Agora, basta clicar em "ENVIAR" para eu receber a sua mensagem.

Related Posts with Thumbnails

Estações com paragem

  ©Template by Dicas Blogger